segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Para os Amigos Especiais do Recanto

CANÇÃO DO AMIGO
Quando digo
a palavra amigo
minha alma abre os postigos.
Amigo é um código
sem artigos.
É um sentimento
tão mais recente
quanto mais antigo.
Amigo não chega
na hora da colheita.
Vem plantar o trigo. 

Amigo que é amigo
desafia as leis do tempo
e do espaço.
Viaja no vento,
longe,
está contigo.
E sua presença é doce
como os figos. 

Amigo
conhece as confidências
do silêncio.
Ao seu lado
não há maus presságios,
perigos.
O mundo não pode
te ferir,
magoar,
pois tens um amigo.
E o seu abraço
é um abrigo. 

Luiz Coronel

6 comentários:

Juli Lima disse...

Bom dia! Expressiva homenagem. Fez-me pensar num arco-íris. Bj poesia

Marcio JR disse...

Amigos são para todas as horas, boas ou ruins, e não apenas para os momentos fáceis.

Uma das frases mais belas que já ouvi: Amigo não chega na hora da colheita. Vem plantar o trigo.

Lindos versos, Rê.

Beijos.

Georgia disse...

Bom dia querida, tudo bem?

Hoje tem bolo lá no O que elas estao lendo te espero por lá.

Bjao

Camila Lima disse...

Lindo, minha querida! Adorei!

Beta disse...

Lindo!!! bj

Marcia disse...

Que lindo! Posso me incluir nesses amigos especiais?
bjs.