terça-feira, 21 de julho de 2009

Sobre este dia precipitem as manhãs


Sobre este dia precipitem as manhãs
E multipliquem os pássaros que cantam
E completo o Outono venha
Folhas e folhas aspergindo a última respiração das coisas sobre a minha
Respiração
E todos os meus anos juntos se festejem de uma só vez e eu morra
Agora
E sobre este dia todos os dias
Desçam
Como inúmeras águas sobre uma gota de sangue.

Daniel Faria

Um comentário:

Rodrigo Andreiuk disse...

passei por aqui!
beijao!