sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Sobre o Natal


A memória dos meus dias de criança
bate mansa hoje à minha porta.

Já não me importa mais ganhar brinquedos:
embora creia ainda ser um menino
(pois tenho medo de crescer sozinho),
não perco o sono, nem acordo cedo
na manhã de Natal, à busca do rastro
de um improvável Papai Noel.

Tudo de que eu preciso pra ser feliz
é ter as mãos sempre sujas de giz,
cuidar da minha família e dos meus amigos
(na terra e no céu)
e poder brincar com o lápis
num pedaço de papel.

Filipe Couto

2 comentários:

Beta disse...

Olá!
Chegando para te desejar que 2011 venha repleto de surpresas maravilhosas p vc!!

Aproveito para informar que, para abrir maravilhosamente este novo ano, o Mix e a Andros Editora estão com uma mega promoção imperdível!
Passe lá: http://www.mixculturainformacaoearte.com/2010/12/mega-promocao-andros-editora-e-blogs.html

Aviso tb que:
PERCEBI, VISITANDO MEUS SEGUIDORES E OS BLOGS QUE SIGO, QUE NÃO ESTOU COMO SEGUIDOR DA MAIORIA DELES. E NÃO CONSIGO SEGUIR, DIZ QUE O DONO DO BLOG ME BLOQUEOU...
QUERIDOS ESTOU SEGUINDO VOCÊS SIM VIU? SÓ NÃO CONSIGO MAIS ME INSCREVER NOVAMENTE NOS SEGUIDORES...

pensandoemfamilia disse...

Passei para desejar Feliz passagem de ano e agradecer sua participação no meu espaço este ano.
Volte sempre