sábado, 3 de maio de 2008


“Minhas desequilibradas palavras são o luxo de meu silêncio.Escrevo por acrobáticas e aéreas piruetas - escrevo por profundamente querer falar. Embora escrever só esteja me dando a grande medida do silêncio.“ (Clarice Lispector)

Um comentário:

Flor ♥ disse...

Clarice sempre me emociona... um texto que espelha a necessidade que temos de nos comunicar e a "transpiração" que isso nos custa!